domingo, 18 de abril de 2010

Comentário Critico o Livro: Um fantasma que dançava no escuro







WANANABE, Luci Guimarães. O fantasma que dançava no escuro.Editora Atual, São Paulo 2000.

Luci Guimarães é escritora e formada em jornalismo pela Universidade de Brasília. Nasceu em Divinópolis e reside atualmente Taguatinga, Distrito Federal.

Esse texto é um comentário critico do livro O fantasma que dançava no escuro. de autoria de Luci Guimarães. A autora começa o livro com o subtítulo uma noite muito escura, onde fala de crianças que foram para uma fazenda, mais de noite o motor que fornecia luz quebrou, forçando -os a utilizarem o lampião. No tópico sob a luz da lamparina, revela o medo de todos que estavam na casa e a tentativa dos adultos em fazer uma recreação para distrair todos, plano não deu certo. Seguindo o livro, no item historias de onças,suspeita no meio da noite, depois que tudo aconteceu João não conseguiu dormir tendo pesadelos horríveis por causa do fantasma. No tópico um sonho a realizar amanheceu todos acordaram animados com a pescaria que tinha sido marcada, tomaram café e saíram andando para o rio onde iriam pescar. Lá todas as crianças foram pegar minhocas, mais nem todas quiseram, pois tinham nojo. Novo susto durante a noite quando foi escurecendo, todos foram para a casa e ficaram na sala,quando de repente os cavalos e outros animais começaram a correr, e as crianças ficaram com medo. No tópico Seria gente ou assombração?, João juntamente com Capão Novo e Maria Carolina percebemos uma animação da garotada com Manelão contando uma horrível história de terror. Em seguida um fantasma na escuridão quando Manelão estava chegando ao meio da historia todos se assustaram com um fantasma que apareceu do nada na escuridão. Dando seguimento a história, no item tiveram a idéia, de desvendar o mistério do fantasma da fazenda. Com uma pista no meio do mato,João achou um pedaço de linha quando estava caminhando então ele correu e foi contar para Maria Carolina. Nas primeiras investigações a dupla de detetives tentava descobrir o que aconteceu com o motor e com os animais da noite anterior. Em Barulhos na madrugada revelam barulhos de pedras e correntes se arrastando pelo telhado,acordando todos. Passeio pela redondeza todas as crianças estavam brigando por besteira mais um passeio acalmou todos. Uma gargalhada infernal nessa noite estava tudo silencioso uma gargalhada muito alta assombrou crianças e adultos.A única solução possível era João e Maria Carolina contarem para os outros o que estava acontecendo para eles ajudarem Maria Carolina e João. No item intervalo para o pagode a autora relatava a dança, comida em fim,era uma festa muito boa quando de repente um clarão invadiu o céu.Fim da festa na roça a festa acabou, foram todos para a casa pois de manhã cedinho iriam todos viajar por causa do fantasma que estava assombrando a fazenda Capão Novo.O fantasma de carne e osso era um homem que se fingia pois ele era muito rico mais ele queria mais dinheiro,querendo assombrar todos para eles irem embora e a fazenda ficar para ele pois ela valia muito dinheiro. Felizmente ele foi prezo. Esse texto fala de um mistério que aconteceu na fazenda Capão Novo. O aspecto positivo do livro é que, as crianças não demonstram tristeza quando os adultos resolvem ir embora por causa do fantasma,mais sim tentam descobrir quem esta por trás de tudo isso.Entretanto, o que devia melhorar no livro é que o começo devia explicar onde se passa a historia e do que ela se trata.

Um comentário:

lorena disse...

Querida Letícia
Estou muito feliz por saber que você, apesar da pouca idade, já é uma grande leitora e escritora. Conto com você para deixar o blog da turma tão interessante quanto o seu. Beijão, Carla Patrícia.